O que aprendi com Jeff Mermelstein

dscn1104

© Fernando Kaskais

O que aprendi com Jeff Mermelstein

Proveniente da cidade de Nova York, Jeff Mermelstein é um dos mais prolíficos  “street photographer”. As suas fotografias são muito peculiares e absurdamente poderosas. Embora o seu estilo de fotografia não faça muito o meu género, eu sou da opinião que podemos aprender sempre alguma coisa com as ideias de qualquer fotógrafo que saiba o que está a fazer,  por isso, eis algumas delas.

1º Concentre-se no processo de edição. Embora esta ideia possa parecer óbvia, a verdade é que, há muito boa gente que se limita a publicar as fotos tal e qual elas vieram ao mundo, sejam paridas pela câmera mais sofisticada, ou por um simples telemóvel. É óbvio que fotografar é emocionante, mas às vezes o processo de edição pode ser tão, ou mais interessante. Para mim, é com certeza, adoro a edição de fotos. Mermelstein tem o hábito de esperar mais de um ou dois meses antes de ver as suas imagens. Ele acredita que isso o ajuda a distanciar-se emocionalmente das suas fotos. Provavelmente, isso ajuda-o também a ser mais objectivo enquanto está a editar e a tentar escolher as suas melhores imagens. Pessoalmente, como trabalho com digital, tenho como princípio importar logo que posso as fotos para o computador. No entanto, para criar um certo distanciamento, normalmente espero cerca de uma semana ou duas para as editar. Todas as fotos deste artigo, exceptuando a primeira, já foram tiradas há uns bons anos atrás. Quanto mais tempo elas estiverem “de molho”, mais desconectado emocionalmente fico delas. Isso pode ajudar-me a julgar melhor as minhas imagens, percebendo mais facilmente os pontos fortes e os pontos fracos.

_dsc0117

© Fernando Kaskais

2º Não ter um tema definido. É bom ter um projecto de fotografia, mas é igualmente interessante, não ter um tema pré definido, e estar mentalmente aberto àquilo que nos aparecer pela frente. Podemos fotografar padrões recorrentes de pessoas ou objectos, e descobrir os temas á posterior, no processo de edição. Fotografar por instinto, editar com racionalidade.

dsc_0048-001

© Fernando Kaskais

3º Ser fiel á nossa visão pessoal. Permanecer fiel a si mesmo, e tentar criar um projecto fotográfico que expresse isso. Evitar ao máximo sentirmo-nos pressionados para criar imagens para os outros, e para obter montes de likes nas redes sociais. É importante receber inspiração de outros fotógrafos, mas ao mesmo tempo permanecer fiel á nossa visão do que queremos para a fotografia. É uma boa ideia não nos preocuparmos com a fama ou o reconhecimento, e concentrarmo-nos apenas naquilo que gostamos de fazer e que fazemos bem.

_dsc0098

© Fernando Kaskais

4º Não pedir permissão. O fotógrafo deve misturar-se com a multidão (se a houver), fotografar aquilo que tem a fotografar e seguir em frente. Há determinado tipo de fotografias que são impossíveis de se fazer, se falarmos antes com as pessoas. O fotógrafo é um voyeur, e se as pessoas estão num lugar público, ele de certa maneira ao fotografá-las está a “roubar-lhes” alguma coisa, mas também não está a magoar ninguém com a sua câmera. Não me estou a referir aos paparazzi. Não devemos sentir-nos mal, ou culpados, por fotografar a vida quotidiana.

dsc_0158

© Fernando Kaskais

5º Valorize o banal e o comum. Um bom fotógrafo não precisa de viajar para lugares exóticos para tirar boas fotografias. O melhor lugar do mundo para fazer fotografia, é precisamente aquele onde nos encontramos. Claro que se estiver em Marrocos, ou na Mongólia, provavelmente posso fazer umas fotos diferentes das que faço no sítio onde estou agora. Diferentes, não necessariamente melhores. É um desafio extraordinário fazer algo novo num “sítio velho”, mas independentemente do sítio onde moramos, há sempre fotos fantásticas para serem feitas. Até certo ponto, há um paradoxo, parece que quanto mais “chato” é o lugar onde vivemos, mais oportunidades temos de fazer fotos diferentes, e interessantes. Experimente.  Boas fotos.

© Fernando Kaskais

© Fernando Kaskais

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: